Lifestyle

ANIVERSÁRIO DE UM ANO DO CARPE DIEM BLOG

Há um ano iniciava um novo ciclo de incríveis experiências na minha vida. Idealizar, criar e escrever para o Carpe Diem Blog é algo que me motiva, me traz extrema felicidade e leveza na alma.

A idéia surgiu há quatro anos quando acompanhei alguns blogs de leitura, outros de beleza e também de moda.

Mas como naquela época eu tinha uma rotina extremamente exaustiva, deixei o projeto Blog para depois, pois pesquisar e desenvolver tal projeto demandaria tempo, e era algo que não tinha. Precisava de mais informações e mais conhecimento de alguns assuntos ,ainda, alinhavar estilo, tema e focar no planejamento.

Em quatro anos muita coisa mudou, planos, projetos, minha mudança à Itália. E como o blog nasceu no país da culinária por excelência, da cultura e da tradição em família, trouxe para vocês posts que transmitisse esse clima leve e descontraído dos costumes italianos.

Entre estudos em Italiano, horas de conversa e ainda muita dúvida se iria dar certo. Dei o pontapé inicial com pouca noção de marketing, foi então que comecei a estudar mais sobre o assunto e ver possibilidades de engajamento.

Foi um susto ver minhas inspirações na rede …mas gostei do resultado. Pensei em algo que trouxesse leveza, que falasse de felicidade e coisas que nos deixam felizes. A pura essência do Carpe Diem ( fazer o que te deixa feliz e deixar o menos possível para amanhã ).

Em um ano tantas coisas aconteceram aqui…falei de vinho, de arte, de costumes, tendências de beleza, moda e ainda trouxe receitas atualizadas para quem gosta de brincar de chef por um fim de semana, ou para quem precisa cozinhar todos os dias e está sem inspiração.

Como é bom compartilhar assuntos, vivèncias, experiências, receitas e inspirações, pois o propósito desse projeto é transmitir o puro, o real e sem disfarces.

A minha felicidade em sentar em um lugar confortável, seja cadeira, sofá, cama ou no chão e saber que o papel e a caneta serão meus copanheiros de toda hora. Sensação que não tinha há muitos anos.

Estar conectada no mundo da pesquisa e concentrada em assuntos que de alguma forma irão impactar pessoas.

Nesse um ano é somente o início pois é preciso fazer alguns ajustes e upgrade. Mas vejo um garnde desenvolvimento em várias áreas da minha vida através do blog e continuarei compartilhando coisas boas e vivências.

Agradeço cada um de vocês que visitam meu blog e de alguma forma se inspiram com os posts.

Sintam-se abraçados e meu agradecimento de coração por estarem me prestigiando nessa jornada.

Mesmo ainda que o blog esteja em “obra” eu conto com vocès com que está por vir nesse próximo ano.

Se você quer me seguir no Pinterest é @barcellos3037

E no Instagram é @rachdebarcellos

Te vejo por lá!!!!!

Como o Aniversário do blog é perto da data de Natal vou deixar para todos vocês uma receita de biscotti italiano muito fácil e gostoso. E boas festas!!

Ingredientes

480 g de farinha de trigo
120 g de farinha de amêndoa
1 colher de chá de fermento per doici
1 ovo
2 gemas
Sal

Para a cobertura: 5 claras de ovo
500 g de açúcar de confeiteiro
1 colher grande de Suco de limão

Método

1.Misture a farinha peneirada com o fermento e a manteiga gelada em pedacinhos, uma pitada de sal e a farinha de amêndoa, esfarele com a ponta dos dedos.
2.Junte o açúcar, o ovo e as gemas, um de cada vez, e misture rapidamente. Retire a massa e forme um pão , depois embrulhe em filme plástico e deixe descansar por pelo menos 2 horas na geladeira.
3. Abra a massa com uma espessura de cerca de 1/2 cm na superfície enfarinhada.
4. Molde com cortadores de biscoitos. Asse em forno pré-aquecido a 180 ° C por 5 a 10 minutos (dependendo do tamanho e do forno) e deixe esfriar
.
Para o glace bata as claras em neve, misture o açúcar e o suco de limão
Obs* a receita do glace ficou muito leve e demorou bastante para secar. Mas o sabor é incrível.

Os biscoitos ficaram leves e muito saborosos!
Buon appetito✨✨👩‍🍳
.
#biscotti
#biscoito
#biscoitodenatal
#amêndoas
#mandorle
#ricetta
#natal
#natale
#venerdi
#instachef
#frollini
#culinariaitaliana
#belloebuono
#facile
#cucinaitaliana
#instablogger
#delizioso

Gastronomia

Giorno Mondiale della Pasta – 25/10

Dia Mundial das Massas celebra-se anualmente a 25 de outubro.

O dia comemora a importância da massa para a alimentação, que além de ser económica e fácil de cozinhar, também é saudável e equilibrada.

A data também relembra o contributo da massa para a saúde das pessoas, no geral.

A massa é um alimento feito a partir de farinha de trigo e ovos sem fermento que pode ser moldado em mais de 600 formas, sendo o nome das massas geralmente um descritivo das suas formas.

As primeira referências à massa remontam a 1154, na Sicília, na Itália. País que mais consome massa no mundo.

O costume italiano, na alimentação, é consumir massa, diariamente, mudando o menu para os variados tipos, formas, molhos e recheios.

Origem do Dia Mundial das Massas

A ideia da data surgiu em 1995 num congresso mundial sobre massa, sendo a data instituída em 1998 pela International Pasta Organization (IPO).

diversos tipos de massas

O que Fazer no Dia Mundial das Massas?

Para comemorar o Dia Mundial das Massas é indispensável comer um prato saboroso. Use a criatividade e utilize a massa como petisco, na salada, como prato principal e até na sobremesa.

Para esse dia maravilhoso, selecionei algumas fotos de delícias feitas na nossa cozinha e inspirações de massas e seus sabores (guarnito em italiano).

Conchiglione verdure al vongole
Ravioli light
Spaghetti
Tagliarim al Ragú
Stracinati al polpetone
Spaghetti com polpetone
Trofie al funghi
Rigatoni
Spaghetti al vongole
Conchiglione al spinacio
Spaghetti al funghi
Rigatoni
Conchiglione
Pasta trofie ao vongole
Pasta Trafilatura al bronzo

Experimente!!!! 🍝🍝🍝 Buono apettito!!!!

Dia Mundial das Massas
Sem categoria

MOLHO PESTO GÊNOVES (ITÁLIA)

Cozinha Italiana🇮🇹

A arte de cultivar ervas aromáticas perto da cozinha e até mesmo dentro da cozinha é uma prática que desenvolvo há um bom tempo. E garanto. É uma delícia colher os temperos preferidos bem fresquinhos.

O aroma e o sabor do tempero colhido na hora, é uma experiência incrível.

Durante os meses da primavera e do verão, o manjericão Basílico cresce lindamente e assim aproveitamos para fazer o famoso molho Pesto.

Origem do Molho Pesto Gênoves

Tradicionalmente o molho Pesto é feito de folhas de manjericão, óleo de oliva, pinoli (pinhão de pinus pinea, queijo parmesão (Parmigiano Regiano) , sal e alho, o molho pesto tem origem na cidade de Gênova, na Itália.

Devido ao clima favorável, a região possui o manjericão mais aromático e saboroso do mundo.

O 1º registro do molho que se tem notícia vem da “Cuciniera Genovese”, um dos escritos dos irmãos Ratto. Originalmente, o manjericão era macerado em um pilão — tradição que resiste até hoje em Ligúria.  A palavra pesto tem origem no verbo italiano “pestare” que quer dizer macerar ou moer.

Tambémo nome do molho pesto está ligado ao modo de preparo. Quando no passado, faziam o molho com o “Pestello” (pilão de madeira).

A cidade italiana tem tanto orgulho do seu pesto que muitas famílias possuem receita própria.

Doses generosas de óleo de oliva, manjericão fresco e um pilão para moer são itens obrigatórios em qualquer preparação legítima.

Dica: Leia, também, o artigo sobre Dieta Mediterrânea

O modo de preparo original

Há uma explicação para o uso do pilão em receitas tradicionais: o objeto, com o movimento rotatório das mãos, fazem com as folhas do manjericão se rasguem e acentuem o seu sabor.
Originalmente, era colocado o alho e o sal grosso na base do pilão — importantes ingredientes para evitar a oxidação das folhas da planta. Em seguida, acrescentava-se aos poucos o manjericão (folhas lavadas e secas) até obter uma pasta homogênea.

Os queijos parmesão e pecorino vinham logo depois e, por último, o molho recebia doses de azeite. A tradição ainda persiste em casas mais tradicionais.

Pode ser usado o liquidificador ou mixer de mão. Porém, se você quer fazer um molho legítimo, é importante ficar atento: o liquidificador, além de possuir lâminas de aço, emite calor; o que poderá aquecer o manjericão e oxidá-lo.  

DICAS PARA SEU MOLHO PESTO NÃO OXIDAR E ESCURECER

Dica 1- Passe as folhas de manjericão na água fervente por 5 segundos e em seguida retire-as com uma escumadeira e passe-as na água com gelo. Escorra e coloque-as para começar o molho.

Dica 2 – Use o aparelho na velocidade mínima e fazer pequenas pausas para evitar o aquecimento. Caso queira conservá-la, não se esqueça de cobri-la com um pouco mais de azeite para manter o sabor original.

A receita do legítimo Molho Pesto Gênoves

Ingredientes:

2 xícaras (chá) de manjericão fresco
½ xícara (chá) de pinoli (pode substituir por nozes)
1 xícara (chá) de queijo parmesão ralado
2 dentes de alho
1 ½ xícara (chá) de azeite
Sal a gosto

Modo de preparo do Molho Pesto Gênoves

NO PILÃO

Coloque sal e, logo em seguida, o manjericão. Amasse as folhas até criar uma pasta homogênea e acrescente os outros ingredientes. Deixe o óleo de oliva por último.

NO LIQUIFICADOR OU MIXER DE MÃO

Coloque todos os ingredientes, e aos poucos vá adicionando o óleo de oliva. Até que o molho fique na textura desejada.

Transfira o molho para vidros esterilizados e cubra com um fio de óleo de oliva.

O molho pesto pode ser guardado na geladeira por alguns dias ou congelado por 3 ou 4 meses.

Gostou deste post? Não esqueça de curtir e aproveite para compartilhar com quem você gosta👍

Forte abraccio 🇮🇹

Referência : Pesto alla Genovese – Academia Barilla.it

Observação: na foto o alho não apareceu, mas foi incluído. O sabor do alho é importante neste molho. 😉🧄